Eleições 2018 – Ricardo Pato pontua em pesquisa!

Os integrantes da PMDF desejão eleger  candidatos policiais militares para ocuparem cadeiras na CLDF na próxima legislatura e como temos visto as pesquisas, parece que estam caminhando para a concretização

Pesquisa realizada pelo Instituto Phoenix, sob o Registro TRE-DF 02743/2018, indica que o Pré Candidato à Câmara Legislativa Ricardo Pato está no caminho certo.

Ricardo Pato (PSC), participa de sua segunda campanha eleitoral. Na última eleição teve uma quantidade de votos expressiva. Dessa vez com a escolha correta do partido, sua equipe espera que o pré-candidato alcance seu objetivo.

Ha muitos anos tem lutado pela categoria, onde obteve varias conquistas, luta constante pela comunidade da Ceilândia, aliado aos policiais militares simpatizantes, pode contribuir para sua eleição.

Além da intenção de votos para cargos majoritários, como candidatos à Presidência da República, ao governo local e às duas vagas ao Senado, a pesquisa aponta os preferidos dos militares para a Câmara dos Deputados e a Câmara Legislativa do Distrito Federal.

 

 

 

 Outra pesquisa realizada em março deste ano, o pré candidato que mais se destacou tanto para Federal, quando para distrital foi Ricardo Pato, para federal em primeiro lugar com 9,3 na PMDF, e em segundo geral entre PMDF e CMBDF, e para Distrital em segundo lugar com 7,0 na PMDF e em quinto lugar no geral entre PMDF e CBMDF. De acordo com números da Eleição de 2014, Ricardo Pato obteve 3.697 votos, triplicando os votos de uma eleição para a outra, ficando em quinto colocado entre os candidatos da PMDF.  Um dos pontos que serão importantes na próxima eleição é a união de todos em prol da eleição de um parlamentar policial militar, comprometido com a corporação e com a comunidade. Ricardo Pato é um dos nomes das duas corporação que tem grande chance de ser eleito.

A pesquisa Exata OP foi realizada entre 1° e 7 de março deste ano e ouviu 515 entrevistados após sorteio aleatório. A margem de erro é de 3%, para mais ou para menos, e o intervalo de confiança é de 95%. O levantamento foi registrado no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número DF-04405/2018.

Pelo visto, dessa vez a corporação resolveu levar à sério os 4 anos sem representação e vão partir com tudo nas próximas eleições.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *