Casal suspeito de assassinato na Rodoviária é Preso

O casal acusado de assassinar mãe e filho na Rodoviária do Entorno, na área central de Brasília, quarta-feira, se entregou à polícia na tarde desta segunda-feira (9/7). Presos preventivamente, Henrique Monteiro Gonçalves, 33 anos, e a mulher, Geovana dos Santos, 32, vão responder por duplo homicídio e por tentativa de homicídio. Ele é apontado como autor dos disparos. Ela, a responsável por ajudar na fuga e esconder a arma do crime. Ambos alegam legítima defesa e afirmam ter perdido a arma usada no crime. O casal estava escondido em São Sebastião.

Responsável pelo caso, o delegado Rogério Henrique Oliveira, chefe da 5ª Delegacia de Polícia (Área Central), duvida da versão do casal. “Pelo que apuramos até o momento, não se trata de um crime de legítima defesa. Acreditamos que a arma esteja escondida em algum local. Apesar da prisão, continuaremos escutando testemunhas e, sobretudo, a vítima que sobreviveu”, afirma Oliveira. O prazo para finalizar o inquérito é de 10 dias.

Henrique e Geovana têm ficha criminal. Há um mandado de prisão em aberto contra Henrique, por roubo qualificado cometido com arma de fogo e corrupção de menores, em 2007, no Distrito Federal. Ele foi condenado em 2015 e era considerado foragido pela Justiça do DF desde então. Geovana responde a três processos por lesão corporal, registrados em 2014, 2016 e 2018.

Fonte: Pelo Mundo DF

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *